Histórico

O Sindesc/RS foi fundado em 03 de junho de 1995 na cidade de pelotas representando todos os empregados em escritórios de contabilidade do RS, com exceção dos empregados da cidade de Caxias do Sul, mantendo a sua sede á Rua dos Andradas 943 Sétimo Andar, tendo o seu registro no Ministério do Trabalho e Emprego sido publicado no DOU de 12/12/1995 página 20480 seção I. Com o intuito de melhor representar os empregados deste seguimento o sindicato desde a sua fundação começou uma batalha árdua para melhorar as condições de vida e de trabalho dos integrantes da categoria profissional. Já em 1996 quando da celebração do primeiro acordo coletivo foi ampliado o número de cláusulas que beneficiavam o empregado passando de 48 para sessenta cláusulas. Em 1998 uma grande conquista do sindicato é o auxílio creche que deve ser pago aos homens e mulheres que possuírem filhos até seis anos de idade. Em primeiro de agosto de 1999 em assembléia histórica para os trabalhadores da região metropolitana de Porto Alegre os empregados em escritórios de contabilidade desta região decidiram serem representados também pelo Sindesc/RS afastando definitivamente da representação dos trabalhadores o malfadado SIEEC, que anos a fio atuou de forma clandestina na representação dos trabalhadores sem possuir registro no Ministério do Trabalho e Emprego a serviço dos interesses patronais e contra os trabalhadores. Em 29 de janeiro de 1999 foi publicado DOU Seção I página 17 a solicitação do pedido de Registro de Representação incluindo a base territorial da Região Metropolitana. Em 11de novembro do mesmo ano foi publicado no DOU página 05 Seção 01 não acolhida de processo administrativo por parte do SIEEC junto ao MTE para não proceder a alteração da base de representação incluindo a região Metropolitana. Em 30 de abril de 2001 foi julgada na 18ª Vara Civil de Porto Alegre, ação movida pelo SIEEC contra o Sindesc sendo que foi declarada válido todos os atos praticados pelo Sindesc na qual os empregados em escritórios e empresas de serviços contábeis da Região metropolitana decidiram a partir daquela data serem representados pelo Sindesc/RS Em 04 de dezembro de 2001 no DOU página 101, Seção 01 foi publicado pelo Ministério do Trabalho e Emprego a alteração Estatutária do Sindesc incluindo a representação dos Empregados em Escritórios de Contabilidade da Região Metropolitana em sintonia com a sentença judicial de 30/04/2001.

Em 14 de março de 2002 o Ministério do Trabalho e Emprego expediu certidão certificando o registro da alteração estatutária onde incluía como base representada as cidades da região metropolitana. Em 15/04/2002 o SIEEC impetrou Mandado de Segurança contra o Secretário de Relações do Trabalho, cujo pleito não foi acolhido pela Juíza Federal da lº Vara Drª Solange Salgado, sendo que em 15/07 do mesmo ano o SIECC desistiu da presente ação, desistência esta que foi homologada em 16 de agosto do mesmo ano pela referida Juíza. Em 26 de julho de 2002 é reconhecido pelo Sindicato Patronal a representação do Sindesc/RS para a região Metropolitana de Porto Alegre e é firmado acordo coletivo para beneficiar estes empregados com uma correção nos Pisos salariais que estavam inferiores aos praticados no Interior do Estado protocolado na DRT/RS sob nº46218.017031/2002-25. Já em 06/09/2002 novamente o SIEEC em atitude desesperadora move nova ação com a finalidade de cancelar o registro solicitando a concessão de medida liminar que também não lhe é concedida pela Justiça Federal. Em 16/12/2002 é protocolado na DRT/RS sob nº 46218028443/2002-91 a Convenção Coletiva de Trabalho para todos os empregados do RS com exceção da Região de Caxias do Sul, onde são ampliados consideravelmente os direitos dos empregados em escritório de Contabilidade do RS, principalmente os da região Metropolitana. O Sindesc/RS é filiado a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil– CTB, Fecosul (Federação dos Trabalhadores do Comércio e Serviços do RS), onde nestas duas entidades mantém diretores que representam os interesses dos Empregados em Contabilidade do RS bem como o interesse dos demais trabalhadores. Para finalizar conclui-se que o Sindesc/RS foi fundado para efetivamente contabilizar conquistas para os empregados em Escritórios de Contabilidade do RS.